sexta-feira, 6 de maio de 2011

Tabule de Quinua

Gente,



Todo mundo ja sabe que não sou nem um pouco natural e nem adepta a comidinhas saudáveis, odeioooooo com todas minhas forças saladas e afins, mas o Tabule é uma das poucas saladas que como com gosto, e essa com Quinua fica uma delicia, vale apena provar. O bom que além de mais saudável da uma limpadinha dos excessos da páscoa, rsss!!!

Vi essa receita neste blog, testei e aprovei! Da uma olhadinha lá que tem várias dicas legais pra que está na Dieta Coletiva.






Ingredientes:



• 250g de quinoa em grãos


• 4 tomates inteiros

• 3 pepinos

• 2 cebolas grandes

• 1 colher de sobremesa de ervas (manjericão, tomilho, salsa, alecrim)

• 20 und de folhas de hortelã picadas

• 2 colheres de sopa de suco de limão

• 75ml de azeite

• Sal a gosto

• Pitada de rapadura ou mascavo em pó opcional. (ah, não usei rapadura e nem açúcar)



Modo de preparo:

Lavar os grãos de quinoa em água corrente, esfregando com as mão. Deixar de molho por 30 minutos e escorrer.

Ferver 2x a quantidade de grãos, de água, adicionar os grãos, cozinhando-os até o momento que a água estiver toda absorvida. Resfriar os grãos e reservar.



Vegetais



Retirar a pele do pepino, cortar ao meio e retirar as sementes. Cortar em cubos pequenos.

Sobrepor algumas folhas de hortelã, umas sobre outras, e enrolar como um charuto, fatiando finamente em seguida.



Misturar o suco de limão com o sal e o açúcar, emulsionar (bater) com azeite e reservar.



Mistyrar todos os ingredientes e colocar na geladeira, depois servir!



Informações sobre a Quinua, revista Boa Forma:



"A quinua é uma excelente fonte de carboidrato de baixo índice glicêmico, que leva mais tempo para ser transformado em açúcar no sangue. Isso evita a produção em excesso de insulina, o hormônio responsável pelo estoque de gordurinhas. Ainda tem vitaminas, sais minerais e gordura boa. Mas é a proteína de alto valor biológico que faz desse grão um alimento especial. “A quinua tem uma combinação de aminoácidos (componentes da proteína) semelhante à do arroz e feijão juntos”, atesta Jaime Farfan, coordenador do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Alimentação da Universidade de Campinas (Unicamp). Cada grão contém 20 aminoácidos diferentes, entre eles a metionina e a lisina, responsáveis pela formação de uma proteína completa e de boa absorção – quase uma exclusividade dos alimentos de origem animal. Por isso, você pode recorrer a ele para recuperar e manter os músculos – importante para acelerar o metabolismo e, com isso, queimar mais calorias. A vantagem é ser livre da gordura saturada das carnes, que, em excesso, prejudica o coração. Ao contrário: tem ômega 3, gordura que limpa as artérias. "



Depois me contem se foi aprovada, bjssss

2 comentários:

  1. Oi Flávia,
    Adorei a receita porque sou totalmente adepta de uma boa comida light...zero calorias!!Durante a semana, é claro!!No findi..chuto o balde!!rsrrsr.Então, vou testar e depois te conto!!bjs

    ResponderExcluir